Magno Malta pede para Paulo Hartung governar em favor da família capixaba

Ligado .

No primeiro encontro após as eleições, senador Magno Malta (PR/ES) recebeu do governador eleito do Espírito Santo, Paulo Hartung e do vice, deputado federal César Colnago, os cumprimentos pelo seu aniversário, comemorado nesta quinta-feira. “Aproveitei a oportunidade para também solidarizar-me com os vitoriosos que sofreram muitos ataques durante a campanha e reivindiquei aos novos governantes que priorizem o cidadão e as famílias capixabas, como a grande obra desta nova gestão”, disse Magno Malta.

Magno Malta anuncia criação da Frente Parlamentar contra legalização das drogas

Ligado .

Em pronunciamento no grande expediente, senador Magno Malta (PR/ES) alertou a sociedade para manobra sórdida com objetivo de  legalizar a maconha no Brasil. “Eu tenho 36 anos da minha vida enxugando lágrimas de mães de viciados e continuarei lutando contra este mal”, disse Magno Malta ao anunciar oficialmente a criação da Frente Parlamentar Mista Contra a Legalização das Drogas.

Magno Malta avança com a Frente Parlamentar Mista Contra Legalização das Drogas

Ligado .

O senador Magno Malta (PR/ES) tem o apoio de 75 senadores e 400 deputados federais  para a instalação da Frente Parlamentar Mista Contra a Legalização das Drogas no Brasil. Este foi o fato novo da sexta audiência pública da Comissão de Direitos Humanos (CDH) sobre a legalização do uso de maconha para fins terapêuticos ou recreativos. “Não aceitamos a legalização da maconha para qualquer finalidade que seja”, resumiu Magno Malta.

Segundo o senador Magno Malta, “a partir dessa frente vamos aprofundar o debate e não vamos aprovar o projeto a toque de caixa, pois estão querendo aproveitar o viés medicinal para liberar a maconha no Brasil”, alertou o senador.

Para Magno Malta o povo quer mudanças e jamais deixaria de votar em favor do Brasil

Ligado .

“É notório e claro que a população brasileira cansou da Dilma, do jeito PT de governar e clama nas ruas por mudanças querendo um novo tempo. Jamais deixaria de exercer meu dever de cidadão e o voto em branco, que significa o conformismo do tanto faz, ao contrário do que parece, não significa que o eleitor não escolheu nenhum candidato, mas sim que abdica do precioso voto. Eu voto pela mudança e estou com a grande maioria que não aceita a perpetuação do Partido dos Trabalhadores no poder”, esclareceu Magno Malta. 

Senador Magno Malta (PR/ES) tem declarado repúdio ao atual modelo de gestão do Governo Federal e no segundo turno já anunciou que não ficará omisso e calado.  “É claro que precisamos de líderes e representantes de nossas opiniões e desejos. Uma sociedade sem líderes seria anárquica e acabaria em barbárie. O voto em branco ou nulo não tem valor como protesto. Mesmo se a maioria da população anulasse o voto, não haveria efeito nenhum, já que a Constituição considera apenas os votos válidos”, afirmou Magno Malta.

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS