Legalização da maconha é uma falácia

Ligado .

Senador Magno Malta afirma que legalização da maconha é uma falácia e não diminuiu tráfico e assassinatos no Uruguai. Com informação oficial do Diretor da Polícia Nacional do Uruguai que divulgou números atuais do triste quadro no Uruguai, Magno Malta, que veste a camisa contra a legalização da maconha, em favor da vida, da saúde e da família brasileira, prometeu, mais uma vez, não deixar os tentáculos legalização das drogas chegar ao Brasil. Magno participa de um debate nacional , hoje, em São Paulo.

Legalização da maconha não diminuiu tráfico no Uruguai

Ligado .

Em dezembro, a Brigada de Narcóticos indicou que a droga mais confiscada em 2016 foi a maconha, chegando a 4,305 toneladas até 18 de dezembro

O Diretor Nacional de Polícia do Uruguai, Mario Layera, disse nesta terça-feira que a legalização da maconha, aprovada em 2013, não implicou diretamente na queda do tráfico desta droga e que o narcotráfico aumentou o número de assassinatos.

“No ano passado tivemos os níveis históricos mais altos de confisco no país proveniente de outra região. Por isso, entendemos que o tráfico para o Uruguai não se ressentiu de maneira notável”, comentou Layera em entrevista à rádio El Espectador, sobre a vigência da lei.

Magno vai barrar união estável

Ligado .

Comissão de Constituição e Justiça do Senado, com apenas 17 membros, aprovou hoje a união estável entre dois sexos.  Senador Magno Malta, cuja posição já é conhecida pelo Brasil, pretende mudar o fato de hoje, na próxima semana, quando será a votação complementar. “Vamos barrar esta aberração”, disse Magno Malta que prometeu não permitir esta afronta para uma nação cristã.

A polêmica união civil entre pessoas do mesmo sexo

Ligado .

A polêmica união civil entre pessoas do mesmo sexo atropelou hoje a Comissão de Constituição e Justiça, mesmo faltando uma votação complementar, o senador Magno Malta, cuja posição já é conhecida no Brasil, foi assediado pelada mídia nesta quarta-feira. Juntamente com outros parlamentares, Magno já articulou para barrar está intenção de casamento gay na próxima semana.

Magno Malta com o Ministro do Trabalho

Ligado .

Senador Magno Malta este hoje à tarde com o Ministro do Trabalho e Previdência Social, Ronaldo Nogueira de Oliveira, que também é pastor da Igreja Assembleia de Deus. Amigos, os dois conversaram longamente sobre a reforma da previdência social e outras pautas factuais. Magno convidou o ministro Ronaldo Nogueira para visitar o Espírito Santo. “É um Estado com grandes possibilidades e um povo trabalhador. Quero agendar o mais rápido para degustar a famosa moqueca capixaba”, disse o Ministro.

Assessoria de Imprensa

Magno não aceita importação de café do Vietnâ

Ligado .

Em aparte, hoje, Senador Magno Malta aplaudiu a decisão do Presidente da República, Michel Temer que proibiu a importação do café do Vietnã, como queria o Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, “Meu Espírito Santo ficou em pavorosa com esta intenção que iria competir com o nosso excelente café. Até protesto foram registrados nesta manhã de quarta-feira, tendo todo meu apoio. Mas a situação já foi resolvida diretamente pelo gabinete da presidência e lamento pelo meu amigo Blairo Maggi, que entende muito de soja". Veja o registro do senador Magno Malta.

O teatro da hipocrisia

Ligado .

Senador Magno Malta fala do teatro de amnésia e hipocrisia ocorrido na sabatina do Ministro Alexandre de Moraes. Mas por compreensão distorcida, algumas palavras apresentaram duplo sentido, assim, hoje, Magno Malta deu uma explicação do verdadeiro sentido da frase: "o senhor não tem vergonha",

Moraes defende pena mais dura para menores que cometerem crimes hediondos

Ligado .

BRASÍLIA — Em sua sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, o ministro licenciado da Justiça, Alexandre de Moraes, defendeu um endurecimento das penas para menores de 18 que praticarem crimes hediondos, mas não a redução da maioridade penal. Moraes sugeriu passar o tempo de internação máxima para esses casos de três para 10 anos.

— Não é possível que alguém menor de 18 anos pratique um latrocínio e coloque no Youtube — afirmou Moraes.

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS