Prefeito diz que vítimas estão mentindo, mas Magno Malta contesta pedófilo reincidente

Ligado .

Adail Pinheiro, prefeito do município de Coari, responde a 70 processos na Justiça do Amazonas e já foi investigado pela Comissão Parlamentar de Inquérito, presidida pelo senador Magno Malta (PR/ES) contestou as novas acusações do programa Fantástico e classificou como mentirosas as denúncias feitas pelas vítimas de  abusos sexuais cometidos por um grupo de pedófilos que seria liderado por ele. “Adail é um criminoso de alta periculosidade, totalmente nocivo e que nunca devia ter saído da cadeia”, afirmou Magno Malta

Na reportagem do Fantástico, senador Magno Malta aparece repreendendo o prefeito Adail e clama por justiça pedindo a prisão pelos abusos sexuais cometidos contra crianças. Mas o prefeito criminoso não se intimidou com as novas denúncias, inclusive mais graves, foram reveladas pela imprensa nacional. “É triste a omissão de autoridades e o pior é proteger um animal que assassinou a alma e dezenas de crianças e trazendo tristeza para muitas famílias. Adail está brincando com Deus e com a justiça dos homens”, acentuou Malta.

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS