Notícias

Projeto de Magno Malta que isenta de pedágio pacientes com doenças graves avança no Senado

Os carros que levam pacientes com doenças graves ou degenerativas para tratamentos podem ser dispensados de pagar o pedágio. É o que determina um projeto (PLS 199/2016) do senador Magno Malta aprovado nesta quarta-feira (7) pela Comissão de Assuntos Sociais (CAS). “Com o sistema de saúde no Brasil desiquilibrado, milhares de pacientes precisam viajar em carros particulares pelas rodovias para conseguirem atendimento. Já não basta o custo com remédios e ainda tem os pedágios”, justificou Magno Malta.

Para evitar fraudes e prejuízos para as concessionárias, os pacientes devem se cadastrar nas empresas de pedágio e apresentar um laudo médico que ateste a necessidade de deslocamento para outra cidade, a periodicidade e o prazo estimado de duração do tratamento.

Senador Magno Malta acredita que o projeto trará benéficos principalmente para famílias carentes. “Desempregados, aposentados e doentes não podem pagar preços exorbitantes pelos pedágios. Toda economia neste momento é importante”, finalizou Magno Malta.

Assessoria de Imprensa

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS