Notícias

Magno e Bolsonaro rebatem declarações de Lula

Bolsonaro falou que quer um Brasil diferente 

O deputado federal Jair Bolsonaro (PSC) e o senador Magno Malta (PR) detonaram Lula, nesta terça-feira (29), após o ex-presidente ter dito que Bolsonaro era fruto do "analfabetismo político". 

Magno Malta disparou ao falar que Lula "não tinha moral" para falar. "O Brasil tem 18 milhões de analfabetos. Vocês poderiam ter erradicado e não fizeram. Você sabe do que ele é fruto? Ele é fruto de uma sociedade revoltada de políticos que roubam. A sociedade está revoltada com o dinheiro roubado do BNDES, do dinheiro que foi roubado da Caixa, dos fundos de pensão e de políticos ricos, que filhos ficam rico sem nunca ter trabalhado como os seus. O seu povo está todo preso está na cadeia e você vai preso".

Malta ainda falou que Lula devia estar bêbado para ter dado a declaração. "Lula, tu só pode ter falado isso de má fé ou embriagado. Tu devia lavar essa cara suja sua. Eu não vou mandar você lavar sua boca com álcool porque de álcool você gosta. Você tem uma 'aposentadoriazinha' de R$9,5 milhão. É disso que Bolsonaro é filho: da revolta dessa sociedade que não que escola com partido, que não quer ensino de homossexualismo nas escolas a partir de oito anos de idade, que não quer uma sociedade com droga e legalização da maconha. Ele é filho e produto de uma sociedade que está revoltada em sua maioria", continuou a criticar.

Por sua vez, Bolsonaro falou que os dois querem um Brasil diferente. "A partir das eleições do ano que vem. E o povo brasileiro, além de esperança, quem chega lá, tem que dar oportunidade para esse povo poder deslanchar e sonhar com um Brasil melhor para todos. Eu estou com o Magno, o Magno está comigo e nós, brasileiros, estamos juntos nessa luta", ressaltou.

Fonte: Agência Brasil 

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS