Notícias

Magno Malta, em plenário, mostra pesquisa e afirma que valorização da vida é pauta política

Senador Magno Malta (PR/ES) em pronunciamento no Congresso Nacional citou pesquisa publicada nesta terça-feira, pela editoria de política do jornal A Gazeta, que revela números importantes para o cenário eleitoral. 84% dos capixabas querem a redução da maioridade penal, 60,9% só aceitam casamento tradicional, 86% são contra o aborto e 81,5% não apoiam a legalização da maconha. “O candidato que subir no palanque e esquecer-se do anseio popular, com certeza, estará na contra mão”, disse Magno.
 
Senador Magno Malta parabenizou o jornal A Gazeta pela iniciativa em encomendar e divulgar a pesquisa que aborda maioridade penal, união gay, aborto e maconha. “Ficou claro que a maioria esmagadora dos capixabas quer trata de pauta que valorize a vida, que tenha ética, valores morais, priorize o bem-estar, a saúde e união familiar tradicional”, explicou o senador.

Além dos números atuais, repórter Samanta Nogueira ilustrou o trabalho com várias entrevistas. Amilton Luiz Queiroz, 33 anos, Assistente Jurídico, revelou que é católico e contra o aborto. ”É um crime contra o feto”. A advogada Camila Januário, 30 anos, confessou ser a favor da liberação da maconha, mas reconheceu que o País não está preparado.

Entre os entrevistados que responderam ser favorável a redução da maioridade penal, o maior percentual está entre pessoas de 30 a 49 anos, 85,7%. “Afirmar que é autor de emendas é apenas uma obrigação do parlamentar, dizer que conseguir verbas pra obras, também é dever do homem público, mas zelar pela valorização da vida é preciso de vontade política, de querer vencer a barreira do medo e ter coragem para bater no peito e afirmar que tem princípios”.

Magno Malta sabe que estas pautas políticas são comportamentais e revelam que o Espírito Santo conserva valores importantes, inclusive é considerado um Estado de um povo de fé religiosa. “Eu já defendo estas bandeiras há mais de 40 anos, e tenho consciência, de que estamos vivendo um tempo de indignação com as diversas imoralidades, inclusive políticas, por isso, durante a Copa das Copas, nossa presidente Dilma Rousseff foi muito elogiada”, ironizou Magno.

Assessoria de Imprensa.

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS