Magno Malta: protestos não significam que o povo quer volta de Dilma ou do PT

Ligado .

O senador Magno Malta (PR-ES) afirmou que os manifestantes que estavam hoje nas ruas de Brasília rejeitam as reformas previdenciária e trabalhista propostas pelo governo, e ainda pedem a saída de Michel Temer da Presidência do país.

Malta destacou, porém, que isso não quer dizer que esse movimento veio pedir a volta do Partido dos Trabalhadores ou de Dilma Rousseff.

Magno Malta fala da manifestação em Brasília

Ligado .

Senador Magno Malta, em plenário, revelou os verdadeiros motivos da manifestação que parou Brasília, nesta quarta-feira, com cenas fortes de violência. Magno separou os manifestantes que querem um país melhor e pedem a saída de Temer, dos baderneiros que depredaram patrimônio público, patrocinados pelos sindicatos querendo a volta do PT. Para o senador, a população quer esclarecer o motivo da impunidade dos empresários proprietários da JBS que cometeram crime de lesa-pátria, roubaram do povo brasileiro e estão bem nos EUA. “Infelizmente esta sessão era para debater o foro privilegiado”, disse Magno Malta. Confira na íntegra o pronunciamento de hoje do senador Magno Malta.

Projeto de Magno Malta que preserva o sábado para religiosos é aprovado na Comissão de Cultura

Ligado .

Comissão aprovou nesta terça-feira, dia alternativo de prova de concurso para atender motivação religiosa. O parecer favorável ao projeto, de autoria do senador Magno Malta (PR-ES), foi elaborado pelo senador Pedro Chaves (PSC-MS). A matéria será votada, agora, pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH). Malta assegurou que a ação afirmativa contida no projeto não configura privilégio, mas estimula a igualdade de oportunidades a todos os cidadãos.

A Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE) aprovou o substitutivo de projeto de lei do Senado que possibilita a realização de concurso público em dia alternativo ao agendado pelos organizadores para atender a motivo de crença religiosa dos candidatos.

Magno Malta quer donos da Friboi na cadeia I

Ligado .

Os irmãos metralhas, Joesley e Wesley Batista, proprietários da JBS-Friboi, que empalmaram dinheiro do BNDES, do povo brasileiro estão impunes, na mordomia e zombando da cara do contribuinte. Este foi o tom que o senador Magno Malta usou no vídeo gravado nesta noite de domingo, cobrando punição para quem deve. Aécio, Temer e os irmãos metralhas.Magno Malta, indignado, pede uma resposta urgente da justiça.

Brasília-DF // Esplanada dos Ministérios - Senado Federal - Ala Tancredo Neves, Gabinete 57
Telefone: +55 61 3303-4161/1656
E-mail: magnomalta@senador.gov.br

FIQUE POR DENTRO DAS NOVIDADE
CONECTE-SE A NÓS